LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

De Manuela Jardim. 
O Núcleo Histórico de Santo Amaro, Torre do Capitão apresenta, a partir de 5 de fevereiro, a exposição “Na Rota da Urzela (através dos Panos).
A urzela, líquen verde-acinzentado muito comum nas serras da ilha, era utilizado na tinturaria para a produção da cor violeta e do vermelho-púrpura. No século XV, os portugueses, ao estabelecerem os primeiros contactos comerciais com os povos africanos, cedo perceberam a importância que os panos tinham naquelas sociedades, nos rituais de vida e de morte, o que levou a que investissem no comércio do algodão e das plantas tintureiras.
Da Madeira, tal como dos Açores e de Cabo Verde, seguiram grandes quantidades de urzela. Os panos passaram assim a funcionar como moeda de troca nas relações comerciais em África e entre esta e a Europa.

Patente até 30 de abril.

Pode visitar a exposição online “Na Rota da Urzela (através dos Panos) aqui.

rotan