LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

Dia 16 de maio | 10h00. 
Com Rita Rodrigues. 
A cultura visual acompanha o homem, mas é necessário educar o olhar: ver, interpretar/ler/descodificar e sentir.
A fotografia foi, inicialmente, considerada uma técnica e a pintura ficou acamada na sua arte.
A fotografia libertou-se do pendão da técnica e permitiu a libertação à pintura.
Desde as heliografias, daguerreótipos, calótipos, películas (positivos-negativos), positivos (slydes, diapositivos), passando pelas «cameras obscuras» e câmaras fotográficas (convencionais, analógicas) até à tecnologia digital, o registo das coisas cativou o homem.  
Neste encontro vamos pensar a fotografia como forma de comunicação visual (técnica e arte de mãos dadas).
Rita Rodrigues, Maio de 2024
Numa abordagem às obras de fotografia da coleção do Mudas.Museu, nomeadamente Jorge Molder, Daniel Blaufuks, Graça Sarsfield, António Barros, Pedro Clode, André Gomes, Bruno Corte e Débora Rodrigues, o museu convidou Rita Rodrigues, investigadora, artista e que já lecionou Fotografia no Curso de Artes Plásticas da Universidade da Madeira, a dinamizar a I Jornada de fotografia Modos de ver: olhando pela objectiva.
Público alvo: Alunos do Ensino Secundário e Universitário e público em geral.
Inscrições através do telefone: 291 820 900 ou email:
Atividade gratuita

Ijornadadefotografia n

Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Pode consultar a nossa Política de Privacidade aqui.