LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN
De 23 a 26 de maio.
Teatro Municipal Baltazar Dias, Funchal.
De Thornton Wilder.
Promotor: Teatro Feiticeiro do Norte - Associação Cultural.
Encenação: Élvio Camacho.
Dias 23 e 25 de maio | 20h00.
Dia 24 de maio | 15h00 e 20h00.
Dia 26 maio |18h00.
A sessão do dia 26 de maio, conta com LGP - Língua Gestual Portuguesa.
Sinopse:
A longa ceia de Natal, de Thornton Wilder, publicada e estreada inicialmente em 1931, continua a ser uma obra instigante, no seu tratamento da temporalidade em face da brevidade humana e da sucessão das gerações.
Um exercício dramático que constitui um desafio para os atores, uma vez que em poucos minutos lhes é solicitado que envelheçam, num processo de uma ceia de Natal que aglutina os Natais de muitas décadas de um mesmo núcleo familiar no espaço de uma mesma casa.
É o próprio Wilder que reflete sobre a diversidade das receções públicas possíveis, da sua peça encenada, perante o espetáculo de uma sucessão concentrada do tempo. «De todas as minhas peças, é a que se deparou com a maior variedade de receções. Algumas representações foram acompanhadas por risos constantes; alguns espectadores ficam sacudidos por ela em profunda comoção; outros ainda acham-na cruel e cínica ("O quê? Os mortos são esquecidos assim tão depressa?").
- Armando Nascimento Rosa
Classificação: M/12 anos
Duração: 60 min. s/ intervalo
 
ceiatmbd
 
Este sítio utiliza cookies para facilitar a navegação e obter estatísticas de utilização. Pode consultar a nossa Política de Privacidade aqui.