LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

Revista Islenha n.º 62

Funchal, DRC / Serviço de Publicações
8972-5004

23 de Julho de 2018

Diretor: Marcelino de Castro


A ler “o oportuno e bem fundamentado ensaio de Gilda Dantas (Geógrafa e Investigadora), intitulado “A Cidade e os Vazios Urbanos – Novas Oportunidades”, visto a autora considerar, e bem, que a expansão da cidade, pela ‘deslocação da função residencial’, acompanhada do comércio, tem gerado os tais vazios urbanos que se configuram como ‘novas oportunidades’...

Em plena fase de abandono da função residencial no núcleo principal e consequente expansão urbana, a cidade foi, assim, escavada e rastreada pela arqueologia possível, cujo inventário (ainda provisório, todavia) foi escalpelizado e sintetizado pelo historiador Rui Carita, bem a propósito, de resto, em altura em que se começa a comemorar os 600 Anos de presença portuguesa no Arquipélago, num artigo que vale a pena ler, não só pela apresentação sucinta dos muitos trabalhos e achados, bem como pela ilustração, que acompanha praticamente todas as referências topológicas e de achados exumados propriamente ditos.”

Do Editorial 62

 

 

3

03

003