LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN
Manuel Cipriano Gomes Mafra (Mafra, 1831-1905).
Barro vidrado, moldagem e modelagem.
Caldas da Rainha, Fábrica de louça de Caldas.
Ca.1860-1900.
Manuel Mafra - Manuel Cipriano Gomes Mafra (Mafra, 1831-1905). Trabalhou como oleiro na oficina de Maria dos Cacos. Em 1853 torna-se proprietário da olaria, criando modelos mais artísticos e policromos. Criou peças de carácter naturalista inspirados na fauna e na flora, com técnicas inovadoras, como o musgado e o areado.

Manuel Mafra foi o primeiro ceramista caldense a marcar as suas peças. O reconhecimento do rei D. Fernando II ao seu trabalho permitiu-lhe uma clientela abastada, promovendo também uma convivência com artistas e colecionadores. Em 1860, Manuel Mafra abre um espaço novo, a Fábrica de Louça de Caldas, onde permaneceu no ativo cerca de 40 anos. A sua obra foi premiada em exposições internacionais e a sua arte influenciou uma geração de ceramistas.
Créditos: Casa-Museu Frederico de Freitas

jarromafra22 n