LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

São Pedro é geralmente representado de traços vincados, de cabelo frisado ou parcialmente calvo, barba curta, vestindo túnica azul e manto amarelo. A cor amarela alude ao ouro e confirma a sua importância, mas também é a cor da traição, lembrando a que cometeu ao negar Cristo três vezes, antes do cantar do galo.

Pedro nasceu Simão, na Galileia, e, em Roma, fundou e presidiu à comunidade cristã, base da Igreja Católica Romana. Jesus chamou-o Kèpha, pedra em hebraico, palavra que origina Pedro, significando a pedra sobre a qual a igreja é fundada. Sendo o pilar da Igreja, Cristo prometeu-lhe as chaves do Céu. Era pescador e por isso é o padroeiro desta profissão e também dos porteiros, dos fabricantes de chaves e dos relojoeiros. Os seus atributos são as chaves; o galo que evoca o episódio da negação e o livro que simboliza o seu papel evangelizador.
Dirigiu o Concílio de Jerusalém e deu início a um trabalho missionário, viajando e dedicando-se à conversão de pagãos. Condenado à morte, considerou-se indigno de morrer como Jesus, pedindo para ser crucificado de cabeça para baixo, o que aconteceu em Roma, entre os anos 64 e 67 d.C. Os seus restos mortais encontram-se na Basílica de São Pedro.
 
Créditos: Casa-Museu Frederico de Freitas.
saopedrofredericofreitas
 
"São Pedro"
Óleo sobre cobre
Itália?, século XVII
saopedro2frederico
 
“São Pedro”
Madeira policromada e dourada
Portugal, século XVII