LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN
Contam-se 62 anos, sobre a primeira passagem pela Madeira de D. Duarte Nuno de Bragança (n. Seebenstein, 23-09-1907; f. Lagoa, 23-12-1976), a bordo do navio “Angola”, em viagem para África. Estava acompanhado pela esposa, a princesa D. Maria Francisca de Orléans e Bragança (1914-1968) e seus filhos, os infantes Duarte Pio (1945), Miguel Rafael (1946) e Henrique Nuno (1949). O Duque de Bragança havia sido reconhecido como o pretendente legítimo ao trono de Portugal em 1920, sendo admitido como candidato universal ao trono português após o falecimento do seu pai, D. Miguel II (1853-1927). Estabeleceu-se em Portugal em 1953, após a revogação da Lei do Banimento (1950) que exilava o ramo Miguelista.
Créditos: Museu de Fotografia da Madeira - Atelier Vicente's.
 
passagem1n
 
passagem2n
 
PERESTRELLOS PHOTOGRAPHOS
MFM-AV, inv. PER/2610; PER/2617

Em depósito na DRABM