LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

Dia 30 de setembro, é dia do Tradutor, celebrado desde 1953 pela Federação Internacional de Tradutores, sendo desde 1991 o Dia Internacional da Tradução. 
É padroeiro dos tradutores São Jerónimo, que estudou em Roma e traduziu a Bíblia para o Latim, a partir do original em hebreu e grego, colaborando com o papa Dámaso (366-384), do qual foi secretário. É muito conhecida, e foi muito utilizada, a sua Vulgata, tradução para o latim da Bíblia, ficando, então, mais acessível a sua leitura. 
São Jerónimo nasceu em Estridón (Estridão), perto de Aquilea (Veneza), em 347, e faleceu em Belém, em 420. Foi batizado quando já tinha dezanove anos e em 373 partiu em peregrinação à Terra Santa. Entre 375 e 378 esteve retirado no deserto da Síria, optando por uma vida de solidão contemplativa (anacoreta), tendo alguns autores registado que a sua pele ficou negra como a de um africano.
Na representação de S. Jerónimo, o santo surge com alguns dos seus atributos, que identificam episódios da sua vida: um leão (a quem tirou um espinho da pata); uma pedra (que golpeava o seu peito em ato de mortificação); uma caveira (sobre a qual meditava no deserto); uma caveira e relógio de areia (simbolizando a sua penitência); um chapéu de cardeal (galero); umas lentes circulares (de estudioso). No entanto, podemos apontar algum anacronismo, como o chapéu de cardeal vermelho que apenas é usado depois de 1245 ou a lentes circulares, cuja invenção se deu em 1280, por Roger Bacon (1214-1294).
Na ilha da Madeira encontramos pintura e escultura representando S. Jerónimo. Indicamos quatro exemplos: 1 – “São Jerónimo”: pintura sobre tábua, de finais do século XVI, atribuída ao pintor régio de Filipe II, Michiel Cocxie (Malines, 1499-1592), integrado no retábulo barroco, do final do século XVII, altar de Santo António, na Sé do Funchal, revelando grande qualidade plástica (desenho, anatomia, modelação, luz); 2 – “São Jerónimo Penitente”: escultura em barro, de grande expressividade e dramatismo, da segunda metade do século XVI, de oficina portuguesa, hoje na Casa-Museu Frederico de Freitas (CMFF13;2) e possivelmente proveniente do Convento de Santa Clara do Funchal; 3: “São Jerónimo”: pintura a óleo sobre tela, obra do século XVII e de uma boa oficinal nacional, vendo-se o santo envolto num manto vermelho, observando-se um chapéu cardinalício (galero), vermelho, pendurado, e sobre a mesa um crucifixo e uma caveira, estando o santo absorto nas suas leituras e traduções. Trata-se de uma pintura de linguagem barroca, de acentuado jogo lumínico (claro-escuro); 4: “São Jerónimo Penitente», uma pequena pintura a óleo sobre madeira, do século XVII (?), possivelmente de uma oficina nacional, estando o santo no deserto, de longos cabelos brancos e fartas barbas, também brancas, golpeando o peito com uma pedra, vendo-se em primeiro plano uma caveira e em segundo plano um anjo. Pertence ao Convento de Santa Clara do Funchal (coro alto).

Texto: Rita Rodrigues
saojeronimo1
“São Jerónimo”. Pintura sobre madeira. Finais do século XVI. Atribuído a Michiel Cocxie (Malines, 1499-1592). Foto: DRC/Ricardo Faria Paulino. Restauro 2017, Isopo (Madeira).

 

saojeronimio2

“São Jerónimo” (pormenor). Pintura sobre madeira. Finais do século XVI. Atribuído a Michiel Cocxie (Malines, 1499-1592). Foto: DRC/Ricardo Faria Paulino. 
Restauro 2017, Isopo (Madeira).
 

saojeronimo3

“São Jerónimo Penitente”. Barro. Oficina Portuguesa. Segunda metade do século XVI. Casa-Museu Frederico de Freitas (CMFF13;2). 
Foto: DRC / Pedro Clode.
 

saojeronimo4

São Jerónimo Penitente” (pormenor). Barro. Oficina Portuguesa. Segunda metade do século XVI. Casa-Museu Frederico de Freitas (CMFF13;2). 
Foto: DRC / Pedro Clode.
 

saojeronimo5

"São Jerónimo Penitente”. Barro. Oficina Portuguesa. Segunda metade do século XVI. Casa-Museu Frederico de Freitas (CMFF13;2). Catálogo da Exposição de Esculturas Religiosas no Convento de Santa Clara do Funchal, Ed. da Junta Geral do Distrito Autónomo do Funchal, 1954, organizada por Pita Ferreira e Peter Clode.
 

saojeronimo6

"São Jerónimo”. Pintura a óleo sobre tela. Oficina Portuguesa. Século XVII. Igreja do Colégio (Funchal). 
Foto. DRC / Roberto Pereira.
 

saojeronimo7

“São Jerónimo Penitente”. Pintura sobre madeira. Oficina nacional (?). Século XVII(?). Convento de Santa Clara (coro alto). Foto: DRC / Rita Rodrigues (antes do restauro).