LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN
No âmbito do projeto desenvolvido no Museu Etnográfico da Madeira.e do qual resultou uma exposição temporária e a edição, em 2019, do livro “Festas e Romarias da Madeira” (o Nº3 da coleção “Cadernos de Campo”, premiada com o Prémio APOM 2019, na categoria de Investigação), o museu decidiu partilhar, nas páginas das Redes Sociais, diferentes álbuns, com imagens que fazem parte dessa obra.
Em 2020 o museu partilhou várias festas, de todos os concelhos, procurando assinalar alguns aspetos que as caraterizavam. No início deste ano, divulgámos alguns artefactos, relacionados com os rituais profanos e religiosos. Agora iremos partilhar alguns elementos da gastronomia tradicional que fizeram parte dessa publicação.
Para além da comida tradicional, comercializada, que faz parte do cardápio das festas e romarias, existem os chamados "dentinhos", que são oferecidos, a acompanhar as bebidas, nas barracas de comes e bebes. Esta semana, divulgamos as “cebolinhas de escabeche”.

A cebola é cultivada há muito tempo no nosso arquipélago, sendo uma cultura com importância relevante na Madeira, nomeadamente na freguesia do Caniço, no concelho de Santa Cruz, localidade muito próxima da cidade do Funchal, mas que preserva uma certa ruralidade e mantém as tradições.
O cultivo da cebola mantém-se, ali, há muitos anos, no seio de certas famílias e, talvez por esse motivo, poder-se-á afirmar que a designada "Festa da cebola", que procura valorizar e promover este produto agrícola, constitui a mais representativa festa da cidade do Caniço.
Muito utilizada na cozinha tradicional madeirense, este produto agrícola entra na confeção de algumas entradas, molhos e pratos típicos.
São muito conhecidas as chamadas "cebolinhas de escabeche", ou seja, as "cebolinhas miúdas", conservadas em frascos, presença obrigatória no Natal madeirense e nos arraiais, servidas como "dentinho".

cebolinhasn