LogoCmadeira2020

LogoSRTC2020

PT EN

A Cabaça é uma designação comum para os frutos que nascem de diferentes plantas da família Cucurbitaceae. Trata-se de um fruto de diferentes tamanhos em formato semelhante ao de uma pera, de nome científico Lagenaria vulgaris. A cabaça é de origem africana, mas pode ser encontrada em praticamente todos os países do mundo. Uma vez apanhada, esvazia-se o seu conteúdo e procede-se à secagem do invólucro para que possa ser reutilizado de outras formas, dada a sua versatilidade.
São diversos os usos atribuídos às cabaças secas. Em África e no Brasil, são utilizadas na confeção de instrumentos musicais, como é o caso do xequerê, feito com a cabaça seca que depois é envolvida com uma rede de contas ou fios de algodão com conchas, produzindo som por meio do atrito. Na Nigéria, utilizam-se cabaças como boias das redes de pesca. Com origem na Nova Zelândia e propagação global, surgem as cabaças como recipientes para guardar carnes, óleos ou água – tal era o caso dos pastores, que se muniam das cabaças para transportar água, dado que percorriam grandes distâncias a pé. Por último, as cabaças podem constituir, ainda, elementos de decoração depois de pintadas e ornamentadas.
Com muitos anos de história, as cabaças atravessaram várias gerações e representam atualmente um símbolo histórico de diversas culturas que adaptaram o mesmo objeto para outros fins, consoante as suas necessidades.

cabaca n